quinta-feira, 20 de novembro de 2008

Esta imagem que já correu meio mundo, mostra o desejo de todos e cada um de nós. O regresso, a chegada a Pedome. Uns mais vezes, outros menos, alguns uma vez por ano, mas sempre a mesma vontade. Voltar à origem. E, digam lá com frnaqueza, os que estão em Portugal, os que nos visitam de França e até da terra do Tio Sam. Onde há um céu azul como este?

1 comentário:

Mar&Rio disse...

E não é só o céu azul. É também o cheiro às giestas, ao pó do caminho, à tranquilidade desse sitio. Olhando à direita vê-se o que resta de um moinho, cheio de força e simbolismo. Existiu aí uma presa onde a água foi disputada sem tréguas. Também aí era o pinhal do bispo, emblemático para Pedome.