quarta-feira, 30 de setembro de 2015

A espreitar do ouriço



Neste ritmo interminável de colheitas, eis que ainda não acabaram as vindimas e já espreitam as castanhas.
Depois de um ano miserável, o ano passado, parece que a castanha deste ano não se deu mal com a seca e está aí a chegar em força, saudável e saborosa.
Quem quer quentes e boas?

domingo, 20 de setembro de 2015

A certeza da colheita


O culminar de um ano de canseiras. Numa colheita que parece de excelência, foi altura de algumas experiências com quatro vinhos diferentes, sendo este o principal.
O tempo confirmará se de facto o que parecia uma excelente época resultará em vinhos de igual calibre.

domingo, 13 de setembro de 2015

Houve festa



video

Cumpriu-se a tradição e a chuva, como muitas vezes também acontece no dia da festa da Srª dos Remédios, fez questão de aparecer.
Houve festa.

terça-feira, 8 de setembro de 2015

Moscatel


É do conhecimento geral que "o moscatel não vai ao tonel".
Resulta esta afirmação, da convicção geral que uma uva com um sabor de excelência seria boa demais para fazer vinho. Associado a isto, o facto de amadurecer muito cedo, o que motiva ainda mais a sua colheita precoce, como uva de mesa.
Pois bem, em Pedome, sempre que o ano o permite, faz-se vinho de moscatel.
Este foi um desses anos e, esta uva que se vê na foto, já está transformada em néctar que segue o processo normal de fermentação.