terça-feira, 20 de maio de 2014

As cores da primavera



Tem destas coisas a primavera. Trás os dias grandes e a exuberância das cores. Antigamente, quando a tulha do grão já tinha sido rapada até ao fundo e a nova colheita ainda estava verde, era mesmo este colorido que enchia a barriga. O resto, eram horas intermináveis à míngua.

2 comentários:

EU disse...

Renascer da terra na sua plenitude, colorida, olfativa e auditiva. Abundância de sensações! Mas também compasso de espera pela novas colheitas...
Bjo, Armando Sena
(Esta míngua a que aludes, deixa-me um sabor amargo...)

© Piedade Araújo Sol disse...

toda a beleza da terra numa foto belíssima e de cores vivas.

:)